Logotipo Sim e Não
Alinhamento político

'Meu candidato a presidente é Jair Bolsonaro', diz Wilson Lima

Governador disse que vai apoiar o atual presidente mesmo que o partido dele, União Brasil, forme aliança com PSDB, Cidadania e MDB em torno de uma candidatura de 'terceira via'

Redação Sim&Não
online@acritica.com
07/04/2022 às 17:16.
Atualizado em 07/04/2022 às 17:44

Wilson e Bolsonaro em Manaus, durante o Fespim (Isac Nóbrega/PR - 27/nov/2019)

O governador do Amazonas, Wilson Lima (União), declarou nesta quinta-feira (7) que seu candidato à Presidência da República será o atual presidente Jair Bolsonaro (PL). É a primeira vez que Wilson confirma o apoio de forma pública.

A declaração foi dada durante entrevista coletiva nesta manhã, em Manaus, quando o governador foi perguntado sobre a aliança nacional envolvendo o partido dele, União Brasil, o PSDB, Cidadania e MDB em torno de uma candidatura presidencial única de “terceira via”.

“Esse foi um compromisso que eu assumi lá atrás com o União Brasil: o meu candidato à Presidência da República é o presidente Jair Bolsonaro, com quem eu tenho um alinhamento político”, disse Wilson. “Tive essa conversa lá atrás, então esse entendimento e essa aliança entre esses partidos não muda em nada os compromissos que eu havia assumido lá atrás”, reforçou.

Já o apoio do presidente a Wilson, segundo o emissário informal de Bolsonaro no Amazonas, Coronel Menezes, está condicionado à vaga de vice-governador na chapa dele à reeleição, que deveria ser ocupada por um dos integrantes do partido de Menezes e Bolsonaro, o PL.

Menezes está com a relação estremecida com o prefeito David Almeida (Avante), que também condicionou seu apoio a Wilson à possibilidade de indicação do candidato a vice.

Sabá Reis, um dos cotados a vice filiado ao partido David, declarou esta semana ao podcast do Sim&Não que o apoio do prefeito é mais importante para Wilson do que o de Bolsonaro. Do ponto de vista eleitoral, apontou ele, “Bolsonaro não ajuda ninguém”.

Saiba mais

Menezes e David romperam após o vazamento de um áudio em que o ex-superintendente da Suframa teria, supostamente, ameaçado pedir para que Bolsonaro não liberasse verbas federais para a prefeitura caso houvesse apoio de David à reeleição de Omar Aziz (PSD) e Marcelo Ramos (PSD), opositores ferrenhos do presidente no âmbito nacional. Menezes é pré-candidato ao Senado

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Sim e Não
Site de notícias e opiniões feito em Manaus por jornalistas profissionais, com foco em política local.
Dúvidas, Críticas e Sugestões
Contato Comercial
(92) 98433-5363
Portal Sim e Não© Copyright 2022Todos direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por